Terça-feira, 28 de Dezembro de 2010

(Fotograma de House M.D. (2004-2010), série de David Shore)

 

Há coisas que só fazem sentido muito tempo depois. Não precisamos de reflectir sobre elas: há um momento em que elas nos regressam à mente, fora de qualquer contexto, sobre elas incidindo uma luz diferente que nos permite vê-as de outra forma, entendê-las finalmente por aquilo que de facto significavam. Talvez aquele momento antigo tenha sido um lapso, e talvez aquele pensamento tenha sido fugaz, momentâneo. Mas o mero facto de ter existido significa que tem um fundo de verdade, raízes mais ou menos profundas que não deixam de estar lá por serem ignoradas durante a maior parte do tempo.



publicado por r. às 09:22 | ligação | comentar

mais sobre mim

Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9



27
28


passado recente

O fim

Os dias do fim (5)

Os dias do fim (4)

Os dias do fim (3)

Os dias do fim (2)

Os dias do fim (1)

A ausência de luz

O controlo

Erro de casting

A memória

passado distante

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

ligações
RSS