Sexta-feira, 30 de Abril de 2010

(Fotograma de Kill Bill (2003), filme de Quentin Tarantino)

 

A vingança não é um acto ao alcance de todos. A verdadeira, entenda-se. Confunde-se frequentemente vingança com despeito, mas são conceitos que nem sequer estão próximos. A vingança é um acto tão nobre como cruel, uma retribuição a um mal inominável. Exige uma causa, e uma dedicação sem rival. Nunca é fácil. Quando assim não acontece, então a nossa vingança não passa de um acto mesquinho, que coloca em evidência não os erros da outra parte, mas quão pequeninos somos.

 

(A vingança, a ti, fica-te tão mal)



publicado por r. às 09:20 | ligação | comentar

Quinta-feira, 29 de Abril de 2010

(Imagem de" Wickednox")

 

O teu silêncio é tão somente o teu pequeno inferno privado, o espelho da tua completa impotência. O teu silêncio é a medida certa dos erros cometidos, por ti e por mim. É tarde, agora. Muitas palavras que nunca deviam ter sido ditas, já o foram. E aquelas que verdadeiramente importavam perderam-se. Queres desfrutar do silêncio, mas sabes que isso é impossível. E sê-lo-á ainda mais quando tudo o resto emudecer também.



publicado por r. às 09:44 | ligação | comentar

Quarta-feira, 28 de Abril de 2010

(Fotograma de The Wrestler (2008), filme de Darren Aronofsky)

 

Um lugar-comum: "as desculpas não se pedem, evitam-se". Certo. E errado, como todos os lugares-comuns. Quem diz esta frase provavelmente não terá noção da posição em que se coloca: uma posição de superioridade, de infalibilidade que mais cedo ou mais tarde lhe irá explodir nas mãos. "As desculpas não se pedem, evitam-se". E quando não se podem evitar?



publicado por r. às 08:50 | ligação | comentar

Terça-feira, 27 de Abril de 2010

(Fotograma de Citizen Kane (1941), filme de Orson Welles)

 

Idealizamos um lugar perfeito - "aquele" lugar só nosso, feito por nós à nossa própria medida, onde nos sentimos inteiros, completos, felizes. Tal lugar não existe. Não pode existir; erguê-lo do nada, levantá-lo a partir da primeira pedra, deitada na mais profunda das fundações, será um esforço que terminará em cinzas. Queremos sempre demasiado. Devemos querer. Mas não devemos perder o pé na ilusão. O lugar perfeito seria sempre imperfeito porque jamais seria "à nossa medida". Essa medida nunca poderá ser a da perfeição.



publicado por r. às 09:29 | ligação | comentar

Segunda-feira, 26 de Abril de 2010

(Fotograma de Le Fabuleux Déstin D'Amélie Poulain (2001), filme de Jean Pierre Jeunet)

 

Não existe solidão comparável à solidão de uma cama vazia. De nos deitarmos, de apagarmos a luz, e de sabermos que ali, no escuro, entre aquelas quatro paredes tão familiares, não temos com quem falar.



publicado por r. às 08:37 | ligação | comentar

Domingo, 25 de Abril de 2010

(Fotograma de 500 Days of Summer (2009), filme de Marc Webb)

 

Todos os sacrifícios podem ser feitos (e normalmente são feitos) por uma pessoa que, com toda a certeza possível, vale a pena. E quando isso acontece, os sacrifícios não o são de facto. Esta é uma ideia tão simples e tão óbvia.



publicado por r. às 09:48 | ligação | comentar

Sábado, 24 de Abril de 2010

(Fotograma de Madmen (2007-2010), série de Matthew Weiner)

 

Poucas coisas são tão trágicas numa relação como a falta de interesse e de curiosidade. Dou por mim por vezes a pensar que isso é, ou pode ser, ainda mais trágico que a falta de amor.



publicado por r. às 08:23 | ligação | comentar

Sexta-feira, 23 de Abril de 2010

(Fotografia de "mookio")

 

Há pessoas cuja função nas nossas vidas é passar por ela. Simplesmente isso: passar por ela, por nós. Entram devagar, fazem-nos companhia durante um tempo. Marcam-nos, com maior ou menor intensidade. Podem até, durante esse tempo, ser os nossos melhores amigos, os nossos mais fiéis companheiros, os nossos mais seguros confidentes. Mas findo esse tempo, desaparecem. Não damos por isso quando acontece; por vezes, ainda estamos com essa pessoa, sentados no café, sem ter a noção de que ela já desapareceu. Só algum tempo depois, quando vamos a um lugar onde em tempos estivemos, ou quando encontramos uma memória antiga, nos lembramos. E pensamos onde estará essa pessoa. Como lhe correrá a vida. Se terá concretizado os seus sonhos. Não o sabemos - e na maior parte das vezes, nunca o chegaremos a saber. Passou por nós, essa pessoa. Deixou um pouco de si para trás, mas tudo o resto desvaneceu-se na noite.



publicado por r. às 09:20 | ligação | comentar

Quinta-feira, 22 de Abril de 2010

(Fotograma de The Lord of the Rings: The Fellowship of the Ring (2003), filme de Peter Jackson)

 

Sabemos o que nos espera no fundo do túnel. Já vimos, como num delírio nocturno, imagens difusas desse dia. Ignorámo-las; não existe maldição comparável a termos o conhecimento do dia em que tudo termina. Ainda assim, alguma coisa nos puxa para o futuro, para um conhecimento proibido que sabemos ser destrutivo. Talvez julguemos, na nossa ingenuidade, que esse conhecimento nos preparará para a destruição. Mas há coisas para as quais nunca estamos preparados, por mais que as esperemos.



publicado por r. às 20:45 | ligação | comentar

Quarta-feira, 21 de Abril de 2010

(Fotograma de Groundhog Day (1993), filme de Harold Ramis)

 

Se a vida é feita de rotinas - é -, momentos há em que todas essas rotinas caem por terra. Não para serem destruídas, mas apenas para serem interrompidas, por um breve momento, sendo retomadas logo depois. Por vezes as rotinas são interrompidas pelas próprias rotinas, por paradoxal que isso possa parecer. O lugar-comum diz que somos criaturas de hábitos. É bem verdade, isso. Ainda que por vezes sejamos incapazes de o admitir, nunca encaramos com bons olhos a mudança desses hábitos. Em nós ou nos outros.



publicado por r. às 11:49 | ligação | comentar

mais sobre mim

Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9



27
28


passado recente

O fim

Os dias do fim (5)

Os dias do fim (4)

Os dias do fim (3)

Os dias do fim (2)

Os dias do fim (1)

A ausência de luz

O controlo

Erro de casting

A memória

passado distante

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

ligações
RSS