Quarta-feira, 16 de Fevereiro de 2011

(Fotografia de autor desconhecido)

 

O verbo implicar, regular, intrasitivo e intransigente, conjuga-se normalmente entre uma primeira e uma segunda pessoa, no presente do indicativo da mesquinhez e, em alguns casos, da crueldade. Pode por vezes assumir uma forma reflexa, sobretudo quando o complemento indirecto não é o responsável pelo complemento circunstancial que qualifica o predicado. Faz-se quase sempre acompanhar por um complemento circunstancial de insistência, sobretudo da parte da primeira pessoa, que podendo ser singular ou plural, está quase sempre na voz activa. A segunda pessoa tem também número variável, mas está invariavelmente na voz passiva.



publicado por r. às 09:08 | ligação | comentar

mais sobre mim

Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9



27
28


passado recente

O fim

Os dias do fim (5)

Os dias do fim (4)

Os dias do fim (3)

Os dias do fim (2)

Os dias do fim (1)

A ausência de luz

O controlo

Erro de casting

A memória

passado distante

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

ligações
RSS