Sexta-feira, 31 de Dezembro de 2010

(Fotografia de Chris Watt. Todos os direitos reservados)

 

Festejar a mudança de ano não tem lógica. Poderíamos dizer o mesmo de praticamente todas as celebrações, é certo. Mudar de ano significa apenas isso: passar de um ano para o outro. Há muitas coisas que podem mudar, como se costuma dizer, da noite para o dia, mas o ano novo é apenas um acontecimento de calendário. A vida segue o seu curso, indiferente à data. Poderia dizer que o ano que agora termina não deixa saudades: seria verdade, de certa forma, mas o que não deixa saudades foi um ou outro episódio que ocorreram durante este período de tempo. Não existe lógica na celebração.

 

Mas também é verdade que nem sempre podemos ser lógicos. Bom Ano Novo.



publicado por r. às 09:18 | ligação | comentar

mais sobre mim

Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9



27
28


passado recente

O fim

Os dias do fim (5)

Os dias do fim (4)

Os dias do fim (3)

Os dias do fim (2)

Os dias do fim (1)

A ausência de luz

O controlo

Erro de casting

A memória

passado distante

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

ligações
RSS